Quem não se lembra de algum gol feito com a mão? E de um pênalti que o juiz não viu – ou não quis ver? A polêmica e o acaso fazem parte da natureza do futebol. É fato que o surgimento de novas tecnologias abriu uma caixa de Pandora ao revelar erros no julgamento das jogadas. Mas também é verdade que nem sempre o juiz é o único vilão. A ciência demonstra que, às vezes, o que vemos não corresponde à chamada realidade. O cérebro, por alguma variação de percepção relacionada ao tempo ou recepção simultânea de informações, pode dar uma interpretação diferente – uma ilusão de ótica experimentada por todos, inclusive pelo juiz. A exposição traz para a arena lances polêmicos, o ponto de vista do juiz e as dificuldades, algumas explicadas pela ciência, que atrapalham o seu ofício. Um radioso trabalho de montagem cênica!

QUANDO: De 06/09/2012 a 07/04/2013

CURADORIA: Leonel Kaz e equipe de conteúdo do Museu

EXPOGRAFiA: Vera Hamburger com a colaboração de Marcos Muzi, Gavin Adams e Luís Felipe Abbud.

VÍDEOS: Carlos Nader

COMUNICAÇÃO VISUAL: Coca Albers

ARTISTA CONVIDADO: Daniel Senise